Prefeitura de Parintins entrega 50 mil alevinos a piscicultores do Baixo Amazonas

A ação atendeu piscicultores de Parintins e do Baixo Amazonas, Nhamundá, Barreirinha, Boa Vista do Ramos e Juruti Novo/PA.

Prefeitura de Parintins entrega 50 mil alevinos a piscicultores do Baixo Amazonas Foto: Peta Cid Notícia do dia 06/10/2017

Cumprindo o plano de ação do setor primário de incentivo à cadeia produtiva da piscicultura, a Prefeitura de Parintins entregou nesta sexta-feira (08), 50 mil alevinos de tambaqui a 31 piscicultores familiares, numa ação coordenada pela Secretaria de Pecuária, Agricultura e Abastecimento (SEMPA), com apoio da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror) e Secretaria Executiva de Aquicultura e Pesca (SEPA).

A entrega da primeira partida de alevinos da espécie tambaqui (colossoma macropumus) que atende piscicultores de Parintins e do Baixo Amazonas, Nhamundá, Barreirinha, Boa Vista do Ramos e Juruti Novo/PA é resultado do compromisso da administração do prefeito Bi Garcia e Tony Medeiros em oferecer alternativas de renda para a agricultura familiar.

A distribuição dos alevinos aconteceu na Feira do Empreendedor Rural Familiar, na Praça dos Bois, reunindo parceiros do setor primário como Banco da Amazônia, IDAM de Parintins e Nhamundá, Embrapa, Prefeitura de Barreirinha, Arcojuv de Juruti, representantes de Boa Vista do Ramos, IFAM e demais parceiros do setor primário.

O secretário Edy Albuquerque, destacou o apoio do município aos projetos da Secretaria de Pecuária, Agricultura e Abastecimento, especialmente à piscicultura que tem um papel fundamental para agricultores familiares. “Estamos dando um passo importante nesta atividade econômica com o incentivo do município para que o pequeno produtor rural familiar possa diversificar as atividades de sua propriedade e gerar desenvolvimento, como é o caso da criação de peixes. Tudo isso é possível com o comprometimento da administração do prefeito Bi Garcia e Tony Medeiros e toda a equipe técnica da Sempa”, comemorou.

Ele também ressaltou o apoio da Sepror/SEPA que doou 150 mil pós-larvas e parabenizou o empenho do coordenador de piscicultura, José Cursino Martins pelo índice de mais de 90 mil alevinos conquistados, num trabalho árduo em parceria com o piscicultor  da comunidade do Parananema, Antônio de Assis Conceição Félix, onde as espécies são mantidas em tanque escavado.

Para o segundo semestre a Prefeitura vai adquirir maquinários para fomentar ainda mais a atividade com a previsão de no mínimo 25  hectares de lâmina d’agua.

Para o piscicultor João Pizano Gonçalves que já atua com a criação de peixes na Vila Amazônia, a entrega de alevinos representa um passo importante para desenvolver a atividade que tem mercado assegurado. Da mesma forma comemorou Evandro Marques, da Arcojuv de Juruti, onde mais de dois mil produtores tem grande interesse na criação de peixes. O vice-prefeito de Barreirinha Luiz Picanço também considera a piscicultura como uma alternativa de desenvolvimento para o setor primário.

O coordenador de Piscicultura da Sempa, José Cursino Martins, gradeceu os parceiros e o prefeito Bi Garcia pelo apoio, afirmando que ninguém trabalha sozinho e a conquista de hoje é resultado de um trabalho de equipe. “É o esforço de toda uma equipe e está aí o resultado do trabalho que vai ajudar a desenvolver a atividade da piscicultura na região”, salientou.