Prefeitura cobra de empresas celeridade de obras em andamento na zona rural

Construção da Escola da comunidade Nossa Senhora do Canarinho, São Pedro do Igarapé Açu do Mamuru e construção da quadra poliesportiva da Escola Luiz Gonzaga, na comunidade Santo Antônio do Rio Tracajá, foram vistoriadas pela equipe técnica da Secretaria

Prefeitura cobra de empresas celeridade de obras em andamento na zona rural Foto: Júnior Preto Notícia do dia 09/11/2017

A conclusão de obras inacabadas, deixadas pela gestão anterior, é um dos objetivos do prefeito Bi Garcia e do vice Tony Medeiros ao cobrar das empresas licitadas a celeridade dos trabalhos,  principalmente na zona rural de Parintins. Em visita à três comunidades com obras retomadas, o secretário de obras, Mateus Assayag, vistoriou a necessidade de cada trabalho, principalmente em comunidades onde os serviços estão em atraso.

Construção da Escola da comunidade Nossa Senhora do Canarinho, São Pedro do Igarapé Açu do Mamuru e construção da quadra poliesportiva da Escola Luiz Gonzaga, na comunidade Santo Antônio do Rio Tracajá, foram vistoriadas pela equipe técnica da Secretaria de Obras.

Mateus Assayag informou que quinzenalmente estará visitando as obras, seguindo determinação do prefeito Bi Garcia. "O objetivo é de que essas obras não parem, sigam sem pendências e no menor tempo possível sejam entregues às comunidades", garantiu.

A escola da comunidade Santo Expedito do Uaicurapá também recebeu vistoria técnica. A obra foi uma das primeiras a ser entregue, em 2015, mas apresenta problemas na laje de concreto.
 
Ambas as obras são fruto do convênio firmado com o Governo Federal, no último ano do segundo mandato do prefeito Bi Garcia, em 2012.

Nesta quinta, 09 de novembro, a equipe da Secretaria de Obras cumpre mais um calendário de vistorias na zona rural, dessa vez nas obras da Gleba de Vila Amazônia