Prefeito anuncia pacote de obras

De acordo com Bi Garcia, Parintins será beneficiada com recursos do Governo Federal e do Governo do Estado para a execução de obras que irão melhorar a infraestrutura do município.

Prefeito anuncia pacote de obras Foto: Pitter Freitas Notícia do dia 16/10/2017

O prefeito Bi Garcia anunciou, durante a semana de comemorações do aniversário de Parintins, que o município será contemplado com uma série de investimentos em infraestrutura. A declaração foi dada na solenidade de entrega de cestas básicas a famílias atingidas pela enchente deste ano.

 

De acordo com Bi Garcia, Parintins será beneficiada com recursos do Governo Federal e do Governo do Estado para a execução de obras que irão melhorar a infraestrutura do município.

 

Na próxima quinta-feira, 19 de outubro, o prefeito reúne com o governador Amazonino Mendes para alinhavar os investimentos do Estado para a cidade. O encontro ocorre após a viagem de Bi Garcia a Brasília, onde irá, junto à bancada amazonense, buscar emendas parlamentares que beneficiem Parintins.

 

Para Bi Garcia, a expectativa do encontro com o governador do Estado é muito boa. Segundo ele, Amazonino Mendes já acenou positivamente para Parintins a retomada das obras do muro de arrimo dos bairros da União e Francesa, asfaltamento e recapeamento de ruas do município.

 

“Com o aceno positivo do governador, já estamos preparando vários projetos que são prioridades para Parintins, para que possamos ser atendidos pelo Estado”, completou o prefeito, que também anunciou a autorização do governador para o estudo e negociação de uma área para assentar as famílias que estão nas ocupações de terra do Bairro da União e Pascoal Allágio.

 

Segundo Bi Garcia, essa será a primeira vez que o Governo do Estado investirá efetivamente na infraestrutura de Parintins no ano de 2017.

 

“Em quase um ano de governo, ainda não fomos atendidos com nenhum quilo de asfalto para tapar um buraco. É preciso muita dedicação para recuperar e superar esse momento difícil que passa Parintins, o Amazonas e o Brasil”, comentou.