Contratação temporária no Festival aumenta a renda dos parintinenses

O Festival movimenta a economia da cidade com a contratação de trabalhadores temporários

Contratação temporária no Festival aumenta a renda dos parintinenses Costureiras do Caprichoso (foto: Peta Cid) Notícia do dia 21/06/2017

 

Faltando dez dias para a maior festa popular do norte do País, o Festival Folclórico, a cidade de Parintins já vive o clima do boi-bumbá e um dos setores que movimenta a economia é a contratação temporária de mão-de-obra para diversas áreas, diminuindo consideravelmente o índice de desemprego na cidade.  

Estima-se que pelo menos cinco mil empregos diretos e indiretos e autônomos são gerados no município aumentando as oportunidades e contribuindo com a geração de renda.

Prefeitura, Associações Folclóricas, empresas da construção civil, serviços, comércio, agências de turismo e outros setores contabilizam os números de contratados. 

Caprichoso e Garantido geram em torno de 1.200 empregos diretos e indiretos com artistas e ajudantes trabalhando a todo vapor nos galpões para deixar tudo pronto e presentear os visitantes com um grande espetáculo.

O setor da construção civil que realiza obras em vários pontos da cidade e somente na Praça Digital cerca de 50 trabalhadores foram chamados para os serviços de revitalização e reconstrução do local.  

De acordo com a coordenadora de Turismo, Karla Viana, que preside a Comissão Organizadora do evento, a Prefeitura de Parintins, por meio de suas secretarias deve somar em torno de 1.500 contratações. São mais de 200 recepcionistas para os três dias de festa no Bumbódromo e na área interna do centro cultural 150 seguranças vão trabalhar nos dias do evento, assim como na área de concentração em que 50 homens também na segurança. Na Festa dos Visitantes outras 50 pessoas vão prestar serviços.  

A Prefeitura terá salva-vidas para atuar no balneário Cantagalo para evitar ocorrências envolvendo os banhistas.  

A Secretaria Municipal de Obras que realiza serviços de capinação, pinturas de meio fio e praças, limpeza do Bumbódromo contratou 300 trabalhadores temporários para agilizar os serviços.

Outras empresas do ramo de alimentos estão recrutando trabalhadores para a demanda que aumenta nessa época. São milhares de pessoas que têm a oportunidade por meio do emprego temporário, aumentar a renda familiar no mês de junho em Parintins.