Lançada a campanha de mobilização contra violação dos direitos da criança e adolescente

O objetivo da campanha é sensibilizar as pessoas para esse grave problema social que tem afetado muitas famílias.

Lançada a campanha de mobilização contra violação dos direitos da criança e adolescente Foto: Pitter Freitas Notícia do dia 19/04/2017

A campanha de mobilização contra a violação dos direitos da criança e do adolescente organizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Habitação (Semasth), foi lançada nesta terça-feira, 18 de abril, na escola municipal Irmã Christine, localizada no bairro Itaúna II. Apresentações teatrais feitas por alunos fizeram parte da abertura. A escolinha do Boi Caprichoso, com um grupo de dança, marcou presença.

O objetivo da campanha é sensibilizar as pessoas para esse grave problema social que tem afetado muitas famílias. A Prefeitura de Parintins, preocupada com a situação, une forças com vários parceiros para minimizar o problema. Saúde, Educação, Conselho Tutelar e Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) apoiam diretamente.

Outros parceiros como a Polícia Militar, Polícia Civil, judiciário, bumbás Caprichoso e Garantido também irão fortalecer o trabalho na campanha que será realizada o ano inteiro e celebrar datas importantes do calendário nacional e internacional: 18 maio - Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e 12 de junho - Dia Mundial contra o Trabalho Infantil.

Na abertura da cerimonia desta terça-feira, a gestora da escola irmã Christine, Rosana Queiroz, narrou a história de uma aluna que foi violentada sexualmente pelo pai. A vítima escreveu uma carta aos professores contando o drama que viveu dentro da própria casa. O fato emocionou autoridades e as demais pessoas que prestigiaram o lançamento da campanha.

O prefeito em exercício Tony Medeiros destacou a importância da campanha e pediu união de todos para que esse problema social seja combatido. Ele enalteceu o trabalho da secretária da Semasth, Zeila Cardoso, e da secretária extraordinária Michele Valadares. “A nossa administração trabalha pelo bem de Parintins e está atenta a todos os problemas’, destacou.

As secretárias Michele Valadares e Zeila Cardoso enfatizaram o momento difícil que a cidade passa com os problemas de violência contra crianças e adolescentes. “Com essa campanha que começa, a administração municipal mostra que está preocupada e tem meios essenciais para combater essa situação”, comentou Zeila Cardoso.

A secretária extraordinária Michele Valadares, no ato do lançamento da campanha, foi escolhida como a representante maior de mobilização pelo carisma e compromisso que tem com as atividades sociais. No discurso, ela discorreu sobre o processo de denúncia que as pessoas não podem temer. Ela assegura que vários órgãos funcionam para receber os casos de violência contra crianças e adolescentes. “As cidades que promovem grandes eventos são alvo desses exploradores e nós precisamos abraçar esta causa para proteger nossas crianças e adolescentes dessa violência”, explicou.

O secretário de Educação do município, João Costa, prestigiou o lançamento da campanha como também o professor Aurélio da Seduc e o vereador Afonso Caburi, representando a câmara municipal. As demais atividades da campanha seguem com o planejamento já definido e envolverá escolas da rede pública e outros seguimentos da sociedade.